TOCA RAUL!!!

Eu Não Toco Raul

Pedra Letícia

Composição: Fabiano Cambota

Em todo bar que a gente vai tocar
Tem sempre lá no canto um cara com a barba por fazer
E a camiseta com a cara do Chê,
Um buraquinho nela onde havia a estrelinha do PT
A namorada dele você vê,
Batinha indiana, coturno, bermuda saint-tropez
Pede um papelzinho pra escrever
Tira uma caneta de dentro da bolsa de crochêR
abisca um guardanapo com a bic azul
Escreve um bilhetinho assim: Toca Raul!


Eu não toco Raul
Vocês me desculpem..
Eu acredito quando você diz que ele é legal
Mas eu não toco Raul
Vocês não me culpem
A banda preza pelo estilo Sidney Magal

E aquele alquimista nada a ver
Viagens de um diário de um mago, mais falso que um Menudo
Essa idolatria por Raul, parece aquela velha opinião tomada pelo mundo
Não adianta implorar pro seu guru
Não adianta esbravejar: Toca Raul!


Eu não toco Raul
Vocês me desculpem..
Eu acredito quando você diz que ele é legal
Mas eu não toco Raul
Vocês não me culpem
A banda preza pelo estilo Sidney Magal


Mas quando eu virar um astro,
Com a minha guitarra e uma prancha do lado,
Eu quero ouvir você gritar num bar: Toca Pedra Letícia!!

Eu não toco Raul
Vocês me desculpem..
Eu acredito quando você diz que ele é legal
Mas eu não toco Raul
Vocês não me culpem
A banda preza pelo estilo Sidney Magal

1 comentários:

Juli de Souza disse...

hahhahaha
muito bom!!!!

Quantos estão aqui

Compartilhe!

Twittando

Twittando

Pergunta aê!

Ocorreu um erro neste gadget

Redes Sociais

Minhas Publicações

Não sou otária!

Jean-Jacques Rousseau

Jean-Jacques Rousseau

E disse Rousseau...

"Portanto, nunca se saberá com quem se está lidando: será preciso, pois, para conhecer o amigo, esperar as grandes ocasiões, ou seja, esperar que já não haja tempo para tanto, uma vez que é para essas mesmas ocasiões que seria essencial conhecê-lo."
no século XV

Seguidores